Operação policial desmantela organização criminosa na região

Todos os envolvidos foram conduzidos para o sistema prisional em Chapecó

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Fronteira da Cidade de Palmitos, desencadeou na manhã desta quinta-feira, 29, a Operação Abaixo de Zero, objetivando desmantelar organização criminosa voltada para a prática do crime de tráfico de drogas e homicídio, na cidade de Palmitos.

No √ļltimo dia 16 de julho, um menor de idade e um indiv√≠duo de 20 anos, este portando arma de fogo, efetuaram disparos contra duas v√≠timas, que se encontravam em estabelecimento comercial na cidade de Palmitos. Um dos disparos atingiu um dos ofendidos que, imediatamente foi socorrido.

Após os disparos, os suspeitos passaram a agredir, brutalmente a outra v√≠tima, a qual teve traumatismo craniano e foi encaminhada em estado grave para a cidade de Chapecó.

Os Policiais Civis da cidade de Palmitos passaram a realizar dilig√™ncias após o fato, oportunidade em que lograram √™xito em colher elementos que indicassem a autoria do delito, identificando um menor de 17 anos e outro suspeito de 20 anos.

O √ļltimo suspeito j√° estava sendo investigado pelo crime de tr√°fico de drogas e associa√ß√£o para o tr√°fico, juntamente com outros tr√™s suspeitos, todos presos na opera√ß√£o desta data. Nas provas colhidas, a Pol√≠cia Civil identificou o chefe do tr√°fico de drogas na cidade e os demais envolvidos, incluindo uma mulher de 33 anos que realizava a contabilidade para a organiza√ß√£o criminosa.

Diante dos crimes e dos elementos de prova colhidos, a Autoridade Policial representou pela prisão de quatro suspeitos e a internação de um adolescente, logrando êxito na prisão de todos.

Na opera√ß√£o policial que contou com apoio da Delegacia de Pol√≠cia de Fronteira da Cidade de S√£o Carlos, DRF- Chapecó, DIC- Chapecó e a Guarda Municipal da Cidade de Chapecó, foram apreendidos celulares, balan√ßa para pesagem da droga e subst√Ęncias entorpecentes, além de um ve√≠culo automotor.

Todos os envolvidos foram conduzidos para o sistema prisional da cidade de Chapecó, local em que permanecer√£o à disposi√ß√£o da justi√ßa.

A Pol√≠cia Civil emitiu uma nota agradecendo o imenso apoio do Ministério P√ļblico e do Poder Judici√°rio da Cidade de Palmitos que, imediatamente, após a representa√ß√£o da Autoridade Policial, manifestaram-se favor√°veis as pris√Ķes dos maiores e a interna√ß√£o do adolescente.