Ataques ao STF motivam encontro entre governadores

O encontro ocorre nesta segunda-feira, 23, de forma virtual

Carlos Moisés da Silva participará de encontro de forma virtual. (Foto: Julio Cavalheiro/Secom)

Carlos Moisés da Silva participará de encontro de forma virtual. (Foto: Julio Cavalheiro/Secom)

Os governadores de 24 Estados vão se reunir para debater, entre outros assuntos, a defesa da democracia. Os recentes ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF) mobilizaram os chefes dos Executivos estaduais. O encontro ocorre nesta segunda-feira, 23, com a presença do governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva. Ele estará na reunião de forma virtual.

A programação está marcada para começar às 10h, com a abertura feita pelo governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, coordenador do Fórum Nacional dos Governadores. Depois haverá a apresentação dos assuntos relacionados à conjuntura atual como a defesa da democracia e riscos ao pacto federativo. Caberá ao governador do Piauí, Wellington Dias, fazer a fala inicial sobre o tema.

O secretário da Fazenda do Piauí, Rafael Fonteles, falará sobre os riscos ao pacto federativo. Após isso está previsto um debate entre os governadores, seguida da discussão sobre a governança climática. A reunião deve terminar por volta do meio-dia.

Impeachment de ministro do STF

Na última sexta-feira, 20, o Palácio do Planalto, sob comando do presidente da República, Jair Bolsonaro, protocolou no Senado um pedido de impeachment do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

O magistrado tem sido o responsável por ordenar as buscas e apreensões e prisões de envolvidos em ataques à democracia, incluindo o próprio STF.

Essas reações causaram a mobilização de alguns governadores. Além disso, as manifestações marcadas para 7 de setembro também geram preocupação diante de novos ataques à democracia.